sábado, 9 de julho de 2011

A Velha Sabugueiro

Sim, o título está correto, pois não devíamos chama-lo de "o sabugueiro", mas como não é considerado uma árvore e sim um arbusto e, na língua portuguesa, diferente do inglês, os gêneros são bem definidos, não podemos considera-lo como "a sabugueiro". Todavia, há séculos e em diversas culturas está relacionado ao feminino e ligado às bruxas.
O sabugueiro está no folclore da maioria dos países europeus com lendas e superstições que foram transmitidas de geração em geração desde os tempos pré-cristãos. Sempre ligado ao feminino, às fadas e às deusas. Dizem, inclusive, que é esta grande ligação com o feminino que faz com que o sabugueiro seja considerado a "árvore das bruxas". Alguns pagãos o chamavam de "Mother Elder" (Mãe Anciã) ou "Ellhorn the Wisewoman" (Ellhorn, a velha Sábia).
  
"A Lenda da Velha Sabugueiro"


Reza a lenda que, um rei partiu da Dinamarca rumo à Bretanha com o intuito de conquista-la. Pisou em solo inglês acompanhado de muitos homens e, depois de marcharem por muitos dias, atravessaram uma faixa de campo em direção à uma aldeia conhecida como "Long Compton". 
Já bem próximos ao vilarejo, em uma trilha íngreme, uma velha mulher apareceu a eles e lhes disse:  

 
"Sete largos passos darás,
Se puder ver Long Compton,
Rei da Inglaterra serás! "
  

O rei com bom pressentimento, sentiu que as palavras da velha feiticeira se tratava de uma profecia a seu favor. Deu, então, sete largos passos adiante mas sua visão foi bloqueada por uma colina e ele nada pode ver.
A velha sorrindo então conjurou:

"Como Long Compton não podes ver, 
Rei da Inglaterra não poderás ser.
Levanta-te e, como rocha, fique parado
,
Para a Inglaterra não haverá rei.
Tu e teus homens em pedras serão transformados.
E eu, sabugueiro me tornarei!"



Um forte vento então soprou e o o rei juntamente com seu exército se transformou em um círculo de pedras. A velha, porém, transformou-se em sabugueiro e juntou-se às outras árvores do local.
E até hoje existe este místico círculo de pedras que fica localizado entre os condados  de Warwickshire e Oxfordshire, denominado "The Rollright Stone".



 

5 comentários:

Historias de Zanessa - Love Forever disse...

Mas qual a liagação da árvore com a morte?

Oengus disse...

OLá Zanessa,
Na realidade, a conexão do Sabugueiro com a morte é muito mais sutil. Não é como o "Teixo", por exemplo.
Os sabugueiros eram plantados em cemitérios para protegerem as tumbas e é também uma árvore ligada ao aspecto "negro" (lua negra) e "velho" (musa anciã) da Deusa, que por si é ligada à morte e ao submundo. Esta aí a relação.
É isto...

Saudações...

Petrus Andrada disse...

Por favor, Hugo. Que livro você me indica sobre as árvores, seus significados e suas histórias? Fiquei muito interessado.

Abração.

Hugo (Oengus) disse...

Olá Petrus, obrigado pela visita...
Infelizmente, em português temos muito pouco material. Minha principal fonte de referência é "A Deusa Branca" de Robert Graves.
Saudações!!

Samuel Martins disse...

Muito bom ñ sabia mesmo desta historia

Postar um comentário